Gerenciamento do desempenho das aplicações

Gerenciamento do desempenho das aplicações

Melhore o gerenciamento do desempenho das aplicações para reduzir custos e aumentar a satisfação do cliente

Cada vez mais, as aplicações do mainframe fornecem suporte essencial a sistemas de registro de back-end para sistemas de engajamento voltados para o cliente. As consequências da negligência no gerenciamento do desempenho das aplicações de mainframe nesta economia digital acelerada resultarão em tempos prolongados para clientes e uso ineficiente de recursos de mainframe, e sem uma boa solução, pesquisas demoradas devido a problemas de desempenho.

A solução de gerenciamento do desempenho das aplicações da Compuware combina as forças de Strobe, Abend-AID e ThruPut Manager. Ambos podem ser potencializados para identificar ineficiências, além de reduzir os custos de hardware e software, enquanto aumentam a satisfação do cliente.

O Strobe permite que os desenvolvedores com pouca experiência de mainframe gerenciem o desempenho das aplicações e identifiquem os problemas de desempenho sem acessar a “tela verde”, enquanto o Abend-AID contribui para a coleta de informações sobre os problemas que ocorrem. Além disso, o ThruPut Manager permite a otimização automática e inteligente de trabalhos em batch

Reduza os custos mensais de cobrança de licenciamento (MLC, Monthly Licensing Costs)

O ThruPut Manager ajuda a reduzir o aumento dos custos de MLC causados pelo período médio de quatro horas (R4HA) de MSU. Ao restringir a carga menos importante de trabalho em batch à medida que o pico da R4HA se aproxima, o ThruPut Manager permite que a carga de trabalho mais importante seja processada enquanto ainda cumpre os acordos de nível de serviço (SLA, Service Level Agreement) para todas as aplicações, tanto on-line quanto em batch.

Além disso, o Strobe identifica os trabalhos sendo executados durante os picos de R4HA para que os analistas possam ser mais racionais sobre os trabalhos que estão ajustando. Além de restringir a carga de trabalho em seu pico de R4HA, as aplicações bem definidas permitem que mais cargas de trabalho sejam processadas a um custo menor.

Reduza o uso da CPU

Se os trabalhos em batch estiverem ou não em execução durante o pico de R4HA, eles devem ter um bom desempenho. Quando os trabalhos são executados, a qualidade do código não está no nível que deveria estar. Nesse caso, o monitoramento global de batches do Strobe inicia uma medição Strobe do trabalho para ver o que está acontecendo e fazer as correções devidas.

Identifique alvos de ajuste estratégico

Usando a coleção SMF de monitoramento global do Strobe, você pode identificar os trabalhos usando mais CPU, executando por mais tempo, e fazendo mais I/O. Um usuário pode iniciar pedidos de medição nesses trabalhos. O Strobe fornecerá “Insight Reports” de dados coletados destas profiles e apresentará os alvos de ajuste mais importantes disponíveis em categorias como COBOL, DB2, Language Environment e acesso a arquivos. Esses relatórios também permitem ver quais transações CICS, instruções SQL e módulos estão usando a maior parte da CPU.

Reduza falhas e Abends

Falhas e abends custam tempo, dinheiro e potencialmente a lealdade do cliente. Você precisa ser capaz de rapidamente detectar e solucionar as falhas que, de forma consistente, provocam a terminação anormal (abend) de aplicações em batch e on-line. O Abend-AID coleta automaticamente informações sobre falhas que ocorrem em sistemas de mainframe, permitindo que as áreas problemáticas e as tendências sejam identificadas rápida e eficientemente.

O Abend-AID também coleta informações sobre problemas que ocorrem e, através do Syncsort Ironstream®, envia automaticamente os dados reunidos para o Splunk® para serem vistos em um painel único e intuitivo.

Soluções relacionadas